domingo, 11 de setembro de 2016

Sem Emenda - As Minhas Fotografias

 
Uma janela e uma fotografia indiscreta – Um escritório no rés-do-chão de um edifício numa rua do bairro a que hoje se chama Barbican. É uma zona de Londres que, depois de totalmente arrasada pelos bombardeamentos da segunda guerra, foi reconstruída a partir dos anos 60 e 70. O conjunto exibe uma série de construções ditas de arquitectura “brutalista”, em cimento e betão, como alguns faziam naqueles anos. Estão hoje por ali várias instituições culturais, nomeadamente o Barbican Arts Center, de frequência recomendada sobretudo para a música e as artes plásticas. As orquestras sinfónicas de Londres e da BBC têm ali a sua sede. Um dia, passeando nas redondezas, deparo com este escritório a fazer pensar em Edward Hopper e esta janela a aludir a Alfred Hitchcock. Com bastante indiscrição e um eventual beliscão na privacidade, a imagem era irresistível.
DN, 11 de Setembro de 2016

4 comentários:

Sílvia Carmo disse...

Será que o fotógrafo estava atrás de um arbusto?!...

Sílvia Carmo disse...

Não! Ampliando a imagem, observa-se o Hitchcock disfarçado de fotógrafo no centro da cena. Não resiste a aparecer!

Carlos Seixas Rodrigues disse...

Uma fotografia de ambiente intemporal! Anos 50? 60? Gostei muito.

Antonio Barreto disse...

C S Rodrigues,
Esta fotografia foi feita em Maio de... 2016!
AB