domingo, 28 de maio de 2017

Sem Emenda - As Minhas Fotografias

Cruzeiro no cais do Terreiro do Paço – É um navio da empresa Costa, conhecida pelos muitos que tem, sempre com Costa no nome. Como Costa Favolosa ou Costa Luminosa. O mais famoso era seguramente, pelas más razões, o Costa Concordia, que virou de bordo e afundou. Este aqui, à beira do Campo das Cebolas, é o Costa Deliziosa! Dentro de pouco tempo, estes navios ficarão todos mais a nascente, no novo cais em construção. Por agora, quem vem da Ribeira das Naus, ao chegar à Praça do Comércio, depara-se com este espectáculo a fazer logo pensar no “Navio dentro da cidade”, do escritor grego André Kedros que escreveu aquele romance nos anos quarenta. Graças aos cruzeiros (além dos voos low cost, com certeza), Lisboa está hoje uma cidade diferente do que era ainda há bem pouco tempo. À beira destes navios (antigamente, dizia-se paquetes…), que chegam a transportar mais de 3 000 passageiros e 1 000 tripulantes, nasceram centenas de tuk-tuk, de roulottes com comes e bebes e vendas de artesanato.

DN, 28 de Maio de 2017

1 comentário:

Tout va bien disse...

Se AB vem avisar que podemos perder a tranquilidade que faz acostar e aterrar em Portugal o turismo de massas, caso o Estado português e outros não paguem o que dizem que devem à OTAN, então também está a entrar na mesma onda chantagista do mafioso Trump. Ou pagas ou morres.

… E nós aqui a ser governados por imbecis quando temos um político sábio e talentoso na oposição.