domingo, 25 de julho de 2010

Luz - Ocupação de herdade, 1975

.
Clicar na imagem, para a ampliar
.

Naquele Verão, num domingo, fui passear para o Alentejo. Perto do Gavião, a circulação estava interrompida. Havia agitação. Fiquei por ali umas horas a observar. Uma herdade estava a ser ocupada. Os varapaus não denunciam especial violência. Mas várias armas não enganam e mostram bem ao que se vinha. (1975)

4 comentários:

David Almastre disse...

No seu contexto, uma imagem poderosa e sinistra. Não serão muitas as coisas mais assustadoras do que uma multidão, mais ou menos densa, zelosamente ocupada no labor de repor a Justiça no mundo.

ruy disse...

Ministro da agricultura e pescas Nov/1976 a Dez/1977- António Barreto

joao abel calais disse...

...o povo (sempre) sereno e (apesar de tudo) manso ...Nesses tempos,porém, ainda saía à rua (nem que fosse de varapau).E HOJE ,Dr. António Barreto?...
Que Portugal angustiante e angustiado é este?!
"Finalmente,a verdade,vem sempre ao de cima " - a frase do dia !
Cumprimentos
João Carreira

Leonor Raposo disse...

Dr. António Barreto,
Peço desculpa por atalhar assim, de foice, mas penso que esta fotografia não retrata a ocupação de uma herdade. Em 75, no Gavião, aconteceu o "caso das vacas de Cujancas". Se um dia tiver paciência, conto um dos lados da história. Inesperadament a vila defendeu com honra e bravura o que era da minha avó, contra tropa e estranhos.
Maria Leonor Martins de Carvalho